(31) 98805-9394
 - Email:contato@dedetizadoracalixto.com.br
Eliminação de Pragas
DEDETIZAÇÃO CUPINS - Foto 1

DEDETIZAÇÃO CUPINS

A Calixto Dedetização é especialista na Dedetização de Cupim em toda a região de Belo Horizonte e região metropolitana, técnica conhecida como controle de cupins e descupinização, em que são utilizados os melhores produtos, da mais alta tecnologia para o controle dessas pragas. Saiba um pouco mais sobre a Dedetização de Cupins

No Brasil, há várias espécies existentes de cupins. O cupim de madeira seca é um exemplo, assim como o cupim de solo e a broquinha, que mais se assemelha a um besouro, mas destrói madeiras e pode causar tanto prejuízo quanto os cupins. Dessa maneira, para todos esses tipos, recomendamos o serviço de Dedetização de Cupim.

Para realizar o serviço, primeiramente, há a inspeção do local a ser dedetizado. Nessa hora, é possível identificar o tipo de cupim, para definir a técnica e o produto a serem adotados para a Dedetização de Cupim, assim como os equipamentos. 

Tipos de tratamento de Dedetização de Cupim:

  • Dedetização de Cupim no solo Barreira Química: trata-se de uma calda cupinicida, que forma uma proteção nos locais infestados, sendo muito eficaz para períodos longos.
  • Dedetização de Cupim no madeiramento: inseticida aplicado sob pressão, sem danificar a madeira.
  • Dedetização de Cupim na rede elétrica e telefonia: através de um pó químico (não inflamável), que impede o acesso dos cupins pelos pontos.

Fique atenta com os cupins aos primeiros sinais, a Dedetização de Cupim é imprescindível!

Se você encontrar túneis na alvenaria, atrás dos móveis, pode ser sinal de que sua casa tem cupins subterrâneos. São túneis de terra, fezes e saliva dos insetos. Agora, caso não tenha túneis, sua casa pode estar infestada de cupim de madeira seca. Nesses casos, contrate o serviço de Dedetização de Cupim. Caso contrário, o prejuízo para você poderá ser ainda enorme!

Não esqueça faça inspeção regularmente no imóvel, principalmente nas portas, assoalhos, batentes, guarnições, madeiramento do telhado, etc. Aos primeiros sinais de vestígios ou rastros de cupins, a melhor forma de prevenção é solicitar ajuda de uma empresa especializada em Dedetização de Cupim com certeza ela terá informações de como proceder em situações de baixa e ou alta infestação. 

Cupins

São insetos sociais, isto é, que vivem em colônias numerosas, nas quais apresentam organização hierarquizada em castas adaptadas a exercerem funções diferentes, e sobreposição de gerações. Estão presentes em todas as áreas urbanas do País, onde a quase totalidade das espécies é inofensiva e, em realidade, é imprescindível para a manutenção da sanidade do solo de jardins de residências e de áreas públicas, que revolvem e mantêm porosos e macios, beneficiando o crescimento das plantas.

No Brasil se conhecem umas 270 espécies, e apenas umas 10 são pragas urbanas, estas representadas principalmente por espécies oriundas de outras regiões do mundo (pragas exóticas). As pragas compõem três grupos principais: cupins de madeira seca, cupins subterrâneos e cupins arborícolas.

A biologia de cada espécie é diferente, bem como a maneira de interagir com o ambiente, de modo que o controle costuma incluir um conjunto de medidas, cujo sucesso depende de ser feita à dinâmica de infestação, própria de cada espécie e de cada condição urbana. O hábito recluso torna a infestação inicial inaparente, somente se revelando quando a colônia já é bem populosa e o estrago vai bem avançado e disseminado. È uma praga oculta, que geralmente requer avaliação especializada para diagnóstico preciso da infestação e do conjunto de medidas de controle.

Cupins Subterrâneos:

Reconhecimento: Cupins da família Rhinotermitidae, com operários esbranquiçados, de corpo alongado e dotados de cintura (abdome mais largo que o tórax). Soldados frequentes, com corpo claro e alongado, e cabeça amarelada a amarelo-alaranjada. Pragas mais comuns: Coptotermes gestroi, disseminado nas cidades da região sudeste, mas também presente no nordeste (Pernambuco), centro-oeste (Mato Grosso e Mato Grosso do Sul) e sul (cidades costeiras do Paraná e Santa Catarina, e em Porto Alegre); Heterotermes assus, na região sudeste; Rhinotermes marginalis, na região amazônica e, por introdução, na região sudeste. Todas essas espécies estão em franca expansão geográfica, a partir dos locais originais de introdução, onde são pragas exóticas. Espécies nativas de Heterotermes (H. tenuis, h. longiceps) também podem se tornar pragas urbanas.

Hábitos: Cupins subterrâneos alimentam-se de madeira, mas vivem em ninhos construídos fora do alimento, em locais, bem ocultos e protegidos (ninhos endógenos). São capazes de transitar amplamente no ambiente (solo, edificações, árvores) e podem dispensar totalmente o contato com o solo (terra propriamente dita), constituindo infestações aéreas, em locais mais altos das edificações. As trilhas e as peças atacadas recebem um revestimento fecal de cor clara, acastanhada, típico dos cupins subterrâneos. Comumente mantêm intacta a superfície exposta das madeiras infestadas (exceto em grandes infestações) e constroem túneis em arestas e fendas, o que torna a infestação pouco perceptível.

Podem ser muito vorazes e daninhos em curto prazo. São pragas importantes de edificações e têm nas árvores infestadas um importante reservatório urbano.

Cupins de Madeira Seca

São muito comuns em componentes de telhados, batentes, esquadrias, topos de postes, móveis, pisos, janelas, portas e diversas outras peças de madeira. Algumas vezes, o ataque por estes insetos é confundido com ataque por brocas (coleópteros). Sua presença é indicada pelo aparecimento de um pó escuro, constituído por pequenas esferas. Os sintomas de ataque do cupim normalmente se confundem com o ataque de brocas pela similaridade dos dejetos. A diferença está na granulometria, o cupim tem o pó granulado e a broca tem o pó fino. Embora não tenham colônias muito numerosas, um ataque pode causar sérios prejuízos, uma vez que o mesmo, em geral, se é detectado quando as partes internas de uma peça estão em adiantado estado de destruição. Eles constroem inúmeras galerias dentro da madeira, por onde circulam livremente, e produzem pequenos grânulos ovalados (fezes), que são acumulados em uma câmara (cavidade) próxima à superfície da madeira e que, de tempos em tempos, são descarregados para fora da peça atacada, como forma de limpeza das galerias. Em geral o ataque por esse tipo de inseto é detectado pela presença desses grânulos no ambiente. É conveniente lembrar que o cupim de madeira seca é uma praga associada às estruturas de madeira montada ou produtos acabados. Raramente estes insetos atacam madeiras em serrarias ou nos processos de extração, pois nesses locais a madeira não permanece tempo suficiente, salvo quando ficar estocada por longos períodos, possibilitando a instalação e desenvolvimento de uma colônia, o que é uma tarefa demorada.

A principal espécie de cupim de madeira seca é o Criptotermes brevis.

Descriçãotambém são facilmente identificados pela casta do soldado; antenas com 13 segmentos e a cabeça fragmótica marrom escura a preta com superfície bastante enrugada; as mandíbulas dos soldados não se projetam muito; a cabeça do soldado tem um diâmetro de 1,2 a 1,4 mm, sendo que os soldados usam suas cabeças para tampar a entrada do ninho para protegê-lo da invasão de formigas, que são denominados de cupins tampas-vivas.

Habitat: vive inteiramente dentro da madeira da qual se alimenta e conserva a umidade; por meio de produção de fezes secas, que quando novas são brancas e à medida que envelhecem ficam escura, não infesta árvores vivas.

Duvidas Frequente:

Por que devo contratar um serviço especializado de dedetização de cupim?
Porque apenas empresas qualificadas podem manipular os produtos necessários para a realização deste trabalho, garantindo a segurança dos frequentadores do ambiente a ser dedetizado e a saúde de todos. Todos os funcionários da empresa devem usar equipamentos de proteção individual.

Qual o valor cobrado para avaliar um tratamento de dedetização de cupim em meu imóvel?
A visita inicial não é cobrada. A avaliação é necessária para determinar o tipo de cupim e o tratamento a ser realizado.

Por que é necessário que se faça o orçamento prévio de dedetização de cupim?
Porque nesta etapa é feita a avaliação da infestação e definição da metodologia a ser aplicada.

No geral, quanto tempo demora um serviço de dedetização de cupim?
Tudo vai depender do tamanho do ambiente, da infestação e do método utilizado.

Que precaução deve tomar para fazer uma dedetização de cupim?
Geralmente, é necessário embalar alimentos e guardá-los na geladeira. Na existência de um aquário, é necessário cobri-lo, para não prejudicar os peixes. Animais de estimação, crianças e idosos devem ser ausentar do local no período de tratamento. E, claro, é preciso deixar o ambiente bem ventilado.

A dedetização de cupim em uma estante e guarda-roupa pode estragar o móvel?
Primeiro, descubra o tipo de cupim que infestou sua estante ou guarda-roupas. Se há um pozinho de madeira, é possível que tenha sido cupim de madeira seca. Nesse caso, o tratamento e feito diretamente na peça, sem danificá-la.

Quando é feito a dedetização de cupim nas áreas comuns do condomínio, preciso fazer também em meu apartamento?
Sim, é aconselhável, para evitar uma nova infestação nas áreas comuns do condomínio.

Após o serviço de dedetização de cupim, posso fazer a limpeza normal?
Use apenas pano úmido por 7 dias. Depois disso, pode voltar a usar produtos de limpeza.

Na compra de um imóvel, devo contratar um serviço especializado em dedetização de cupim para fazer um tratamento preventivo?
O tratamento preventivo é mesmo melhor e mais indicado. Então, proteja-se antes que o problema aconteça, fazendo a dedetização de cupim da área com a Dedetizadora Calixto.

Preserve os seus móveis e imóveis contra o ataque de cupins, pois sabemos que esta praga é a que mais causa prejuízos financeiros no Brasil. Entre em contato com a Calixto dedetizadora, serviço de Dedetização de Cupim com garantia, segurança e qualidade. Solicite uma visita de nossos especialistas.